Loading...

Feng Shui para a cozinha

 

O local onde prepara e toma as refeições deve ser agradável, funcional e harmonioso, para que a energia do Feng Shui flua, o deixe com apetite e de bem com a vida. Assim deixamos aqui algumas dicas de Feng Shui para a cozinha.

 

 

A filosofia do Feng Shui indica que algumas preocupações com a cozinha são benéficas, pois atraem forças positivas. Além disso, ajudam a aprender a envelhecer de forma ativa e positiva. Talvez lhe baste reorganizar o espaço, talvez seja preciso acrescentar ou retirar certas coisas, talvez seja mesmo necessário mudar alguns eletrodomésticos de lugar, mas o seu bem-estar merece o esforço!

Dicas de Feng Shui para a cozinha

Limpeza e organização

A cozinha deve ser arejada com frequência, estar sempre limpa e organizada de forma a que se sinta bem nela e a permitir que o Feng Shui flua. Deve ter o máximo possível de superfícies livres, pois a confusão atrai más energias. Por isso, para começar a aprender a envelhecer de forma ativa e positiva, deixe de armazenar objetos velhos, como loiças que já não usa.

 

Fogão, lava loiça e frigorífico

Deve haver uma boa interação entre o fogão, lava loiça e frigorífico, para libertar energia e permitir executar certas tarefas de forma mais fácil e rápida. Segundo o Feng Shui, a cozinha concentra duas energias opostas: fogo e água, ou seja, fogão e máquinas de lavar e frigorífico. Assim, é importante que planeie o local onde vai instalar ou reinstalar o fogão e lava loiça, separando-os para evitar o conflito de energias. No entanto, em cozinhas em que têm mesmo de ficar no mesmo balcão, deve colocar um vaso com plantas ou um objeto de madeira entre os dois para criar harmonia.

Por outro lado, deve posicionar o fogão, símbolo máximo de prosperidade, num local em que se estiver a cozinhar não fique de costas para a porta. Para aprender a envelhecer de forma ativa e positiva, não se esqueça que é de frente que a sua energia melhor flui!

Iluminação

Uma boa iluminação ajuda a economizar energia e a conservar os alimentos que precisam de luz, mas de acordo com o Feng Shui, também é importante deixar o espaço da cozinha iluminado para receber boas energias. Em primeiro lugar, tire o maior proveito possível da luz natural, sendo aconselhável que em cozinhas com janelas menores, as paredes, móveis e eletrodomésticos sejam de cores claras, de preferência branco, para refletir a luz. Em segundo lugar, no que toca a luz artificial, coloque várias lâmpadas no teto e nas paredes.

Cores

O branco não é uma escolha que se prenda apenas com o facto de refletir a luz e criar mais espaço, também é considerada uma boa cor devido à sensação de limpeza e pureza que transmite. O tom bege é igualmente uma opção no Feng Shui para a cozinha porque dá estabilidade e harmonia à família. Mas tanto o branco como o bege podem ser misturados com tons mais quentes nas paredes e bancadas, sendo que o amarelo promove a socialização, o verde incita a uma boa digestão, o vermelho e laranja estimulam o apetite… mas o azul é de evitar (a menos que esteja de dieta) porque é usado para reduzir a fome!

Flores, plantas e frutas

É importante que uma cozinha tenha flores naturais e plantas (nem que sejam ervas aromáticas) que trazem cor e alegria ao espaço – e a quem nele cozinha – e absorvem as energias negativas. A par, deve colocar uma fruteira com fruta fresca na cozinha, pois promove a prosperidade, simboliza vida e oferece um fluxo saudável de energia.

Independente da decoração ou do tamanho da assoalhada, aprender a envelhecer de forma ativa e positiva é também dar atenção às técnicas de Feng Shui para a cozinha e atrair energia positiva.

Interessado no tema? Veja também o nosso artigo sobre feng shui para o quarto

Texto: Sofia Santos
Imagem: Unsplash | Ramiro Mendes e ialicante-mediterranean-homes

Artigos recentes