Loading...

Como plantar ervas aromáticas na cozinha


São bonitas e saborosas! Precisa de mais motivos para começar a plantar ervas aromáticas na cozinha? Pois bem, são baratas e fáceis de manter! Está convencido? Faz muito bem! De facto, agora que tem mais tempo disponível, não há motivos para adiar o seu pequeno jardim. Além de ser uma forma de viver um envelhecimento ativo, a plantação de ervas aromáticas é uma excelente ideia para condimentar os seus pratos! Precisa de ajuda? As instruções, já de seguida!

ANTES…

  •  Sementes

O primeiro passo para plantar ervas aromáticas na cozinha, é escolher as espécies que mais utiliza nos seus temperos ou que deseja plantar. Tomilho? Hortelã? Alecrim? Orégãos? Tomate? Manjericão? Salsa? Coentros?

Aproveite o seu envelhecimento ativo para um passeio pelo mercado em busca das ervas mais apetitosas, bonitas e cheirosas!

Leia também o nosso artigo sobre como construir o envelhecimento ativo desde cedo.

  • Vasos e floreiras

E durante esse passeio, adquira vasos, floreiras, caixotes de madeira ou até frascos de vidro onde possa colocar as sementes para começar a plantar ervas aromáticas na cozinha!

  • Terra e argila

De seguida, procure por terra e pedras de argila expandida, brita ou cacos de telha, pois vai precisar deste tipo de material para evitar que a terra fique encharcada. E por fim, se for possível, compre uma manta de drenagem e areia grossa para escoar a água.

DURANTE…

Depois de reunir o material necessário, é hora de começar a plantar!

  • Respeite as épocas de sementeira indicadas nos produtos e, se for a altura certa, comece a plantar as sementes nos vasos ou floreiras.
  • Certifique-se de que os recipientes são do tipo e dimensão das ervas aromáticas que escolheu e tenha em consideração que cada vaso pode abrigar diferentes espécies de plantas.
  • Forre o fundo dos recipientes com as pedras de argila expandida e a manta por cima, seguida da terra que deve ser misturada com a areia ou argila, para tornar o solo mais solto e permeável.
  • Atenção que a terra deve estar solta para permitir que as raízes se desenvolvam e para evitar que fiquem com excesso de água.
  • Coloque a terra a cerca de 4 centímetros abaixo do limite do vaso (de forma a que as ervas aromáticas tenham espaço para crescer) e regue até a terra ficar bem húmida.
  • De seguida, coloque as sementes, espalhando-as para que cubram toda a superfície. E regue novamente. Vai ver como se vai divertir e viver um envelhecimento positivo a plantar ervas aromáticas!
  • Por fim, escolha um lugar na cozinha, que de preferência apanhe sol, para colocar os seus vasos ou floreiras.

Se está a ficar entusiasmado com a plantação de ervas aromáticas e com a ideia de encetar um envelhecimento ativo, leia também o nosso artigo “Jardinagem para todos”.

DEPOIS…

Passadas poucas semanas, começará a ver o resultado: ervas aromáticas frescas prontas a utilizar nos seus cozinhados!

Doravante, só precisa de regar regularmente (nunca em excesso): muita frequência, mas pouca água, sempre a partir da base.

Vai ver que nunca os seus cozinhados foram tão apetitosos como neste período de envelhecimento ativo em que resolveu plantar ervas aromáticas na cozinha!

Bom trabalho!

Não deixe de ler também o nosso artigo sobre bons padrões alimentares!

Texto: Sofia Santos

Imagem: Unsplash

Artigos recentes