É já este sábado que a campanha Direitos Humanos na cidade vai pôr em debate os testemunhos, histórias, queixas e perguntas sobre as liberdades e garantias fundamentais que a população de Coimbra foi deixando nas caixas distribuídas pela cidade pelo Núcleo Amnistia Internacional Coimbra.
São diversas as rotas de tráfico de seres humanos da Nigéria para a Europa. A rota que passava por Portugal estava a funcionar pelo menos desde 2012 e tinha como alternativa o voo proveniente do Senegal. Saíam da Nigéria. Apanhavam um voo da TAP na Guiné-Bissau com destino a Portugal. Desembarcavam no Aeroporto Internacional de Lisboa, identificavam-se como menores de idade em busca de asilo. Aguardavam pelo estatuto. Um dia, eram levadas por redes de tráfico para exploração sexual pela Europa fora.
Hoje, dia 14 de julho, celebra-se no mundo inteiro o Dia de Malala, a rapariga “mais forte do que a violência, mais forte do que a opressão, mais forte do que o medo”.
Os países europeus estão a ignorar as suas obrigações em matéria de direitos humanos e a UE “parece ter abandonado os seus princípios fundadores e valores, ao fechar os olhos” aos abusos cometidos sobre imigrantes e refugiados nas suas fronteiras, alerta a Amnistia Internacional (AI).
Estão abertas as candidaturas para a 5ª edição do Prémio BPI Capacitar, que vai entregar 500 mil euros a instituições privadas sem fins lucrativos para apoio a projetos que visem a integração social e a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência ou incapacidade permanente. Até dia 27 de Julho, as instituições poderão candidatar-se a este prémio, um dos maiores em Portugal destinado à Responsabilidade Social.
O Centro Integrado de Apoio à Deficiência (CIAD), tendo como objetivo potenciar os conceitos de cidadania e inclusão, irá levar a cabo, no próximo dia 5 de Julho, a atividade "Caminhar pela Inclusão".
Meriam Ibrahim, sudanesa condenada à morte por ter renunciado ao Islão, foi libertada depois de uma imensa pressão internacional. Contudo esta não foi suficiente e esta terça-feira voltou a ser detida depois de o tribunal ter aceitado o recurso e anulado a sentença.
No dia Mundial do Refugiado, o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) avança que pela primeira vez desde a II Guerra Mundial, há mais de 50 milhões de pessoas que foram obrigadas a deixar as suas casas. Se houvesse um país só para eles seria o 24º mais populoso do mundo, com mais habitantes do que Espanha, Colômbia ou África do Sul.
As dificuldades hoje sentidas por tantas famílias fragilizam-nas e inevitavelmente aumentam os riscos de abandono e de não se conseguir assegurar condições para que as famílias permaneçam unidas. O Impulso Positivo falou com Madalena Vasconcelos, Presidente do MSV e Coordenadora Geral da Casa das Cores para conhecer o trabalho que tem sido feito desde a abertura das portas deste Centro de Acolhimento, há cinco anos atrás.
A chegada constante de imigrantes ilegais, em condições dramáticas, à zona costeira italiana, fez com que igrejas da cidade siciliana de Palermo tivessem substituído os altares por leitos improvisados e as transformassem em locais de acolhimento destes imigrantes ilegais recolhidos pela guarda-costeira.
Aristides de Sousa Mendes, o diplomata português que ajudou a salvar milhares de judeus, é hoje homenageado em várias igrejas e sinagogas de todo o mundo com a imposição do Dia da Consciência, uma ideia que partiu de um português residente em Nova Iorque, João Crisóstomo.
O diretor-geral da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), José Graziano da Silva, advertiu ontem, em Roma, para a forma demasiado lenta como tem progredido a luta contra a subnutrição que afeta aproximadamente 842 milhões de pessoas. Graziano da Silva fez estas declarações durante a apresentação da II Conferência Internacional sobre a Nutrição (CIN-2), que acontecerá em Roma, entre 19 e 21 de novembro.
O Tribunal Penal Internacional (TPI) anunciou hoje que irá julgar o antigo Presidente da Costa do Marfim Laurent Gbagbo por crimes contra a humanidade alegadamente cometidos durante o impasse eleitoral de 2010-2011.
Estão a decorrer as candidaturas ao Programa da União Europeia para o Emprego e Inovação Social (EaSI), que tem como objetivo promover emprego de qualidade e sustentabilidade de alto nível, garantir proteção social decente e adequada, combater a exclusão social e a pobreza e melhorar as condições de trabalho.
Está em curso até ao final de Junho um processo de consulta pública em Portugal sobre a implementação local da Agenda de Desenvolvimento Pós-2015 das Nações Unidas.
A Amnistia Internacional Portugal e Instituto Europeu e o Instituto de Direito Económico, Financeiro e Fiscal da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa promovem a 1ª edição do Curso de Verão de Direitos Humanos “Crise Económica: Crise de Direitos Humanos?”.
A ONU acaba de apelar para que mais medidas sejam tomadas e forma a reverter urgentemente a situação crítica vivida no Sudão do Sul, o mais jovem país do mundo.
Estão abertas as inscrições para a frequência de duas Ações de Sensibilização da SOPRO, com o objetivo de sensibilizar e promover para a Igualdade de Género e para a Prevenção e Eliminação da Violência de Género.
A procuradora-geral da Republica, Joana Marques Vidal, será a oradora principal do encontro Jovens em Acolhimento Institucional, que decorre no Auditório 2 da Fundação Gulbenkian, no dia 29, e em que será discutido o tema “Casas de acolhimento, jovens e direitos – Construir diferente”.
Durante o dia de hoje e amanhã, a Católica Porto associa-se ao projeto Hora H para promover a igualdade de género, numa ação de sensibilização e reflexão da população portuense.